terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Apelidos bizarros...

Fonte: http://dariobarbosa.blogspot.com.br/2011/09/apelidos-evangelicos-para-o-penis.html
Gente, nas conversas que tenho em mesa de bar (ou nas mesas de computador, hehe), um tema que veio à tona essa semana foi sobre apelidos. Ai gente..., tem aqueles apelidos que só os integrantes do casal acham fofo, sabe? As pessoas se mostram extremamente criativas na hora de colocar apelidos em seus parceiros, ou pior, nas joinhas dos parceiros. 



Meninos, que reação vocês teriam ao terem seu "amiguinho" chamado de bibelô? Nunca esquecerei da cena em "Como perder um homem em 10 dias", em que na hora H a mulher chama o dito cujo de "Princesa Sofia". Hahahahaha! Sério mesmo, sou mulher, mas confesso que até eu brocharia neste momento épico! Tem aqueles clássicos: Conan, Magaiver, João, essas coisas....mas se bem que eu vos pergunto: precisa REALMENTE apelidar suas joinhas, meninos? Outro diamante que escutei, e nunca irei esquecer, foi de uma amiga que no meio do processo falou pro parceiro "Pula Dayane!", se referindo à Dayane dos Santos, a ginasta. Deve ter sido tão brochante quanto um "Pedala Robinho", ou um "Vai popozuda!"



Tem alguns muito criativos que eu já vi, como um casal que se chamava "carinhosamente" de Xexelo e Xexela, derivados de xexelento, ou em um português mais claro: derivado de espinhas com pus. E o pior: eram muito fofinhos!!! Um amigo meu que começou recentemente um romance, vem chamando a menina de "inimiga", por ela ter tirado ele da vida de orgia de solteiro! Outro casal se chamava de Memow (contração de "meu amor"). Os mais bregas (me perdoem quem usar esses codinomes) são os casais que se chamam de "Vida", sempre achei esse terrível, até porque não vou chamar ninguém de Vida, porque minha vida depende de mim, e nunca deve depender de outra pessoa, né? Também horrível o tal de "Princesa" e "Príncipe", a não ser que você seja casado com o Príncipe Willian.

Outros apelidos interessantes e criativos, que merecem ser citados (e por incrível que pareça eram ditos com carinho):
- "Peste Bubônica", apelido carinhoso e recíproco de um casal;
- Toicinho (dado a uma menina por suas gordurinhas, de cor branca e mole),
- Um namorado chama a gatinha de "Vagabunda" quando atende o telefone e ela responde: "Diz Bicho de Chifre",
... e por aí vai ...



Pois bem, vocês têm alguma história pra contar, ou algum apelido interessante pra citar? 

Beijos!
:*
:*
:*




Tá me chamando de goooooorda!?!?!

Minha foto

Sou uma arquiteta metida a programadora visual, fotógrafa e conselheira amorosa. Filha única, cresci sendo amiga de muitos meninos, que eram como meus irmãos. Isso me fez ver a mente masculina de uma forma um pouco diferente...